Uma Luz para atravessar a escuridão

A arte, um refletor para a educação em tempos de pandemia

Autores

  • Laura Carvalho Azevedo Escola Superior de Artes Célia Helena

Palavras-chave:

Arte, Educação, Evasão, Escola, Pandemia, Covid-19, coronavírus

Resumo

Esse artigo reflete sobre a pandemia da COVID-19 e algumas de suas consequências na educação, como a paralisação das escolas, a utilização do ensino on-line e o retorno gradual às aulas presenciais. Nesse quadro obscuro, a arte é pensada como uma ferramenta que contribua para o acolhimento e pertencimento de alunas e alunos no ambiente estudantil e uma forma de evitar uma maior evasão escolar.

Biografia do Autor

Laura Carvalho Azevedo, Escola Superior de Artes Célia Helena

Atriz e professora de teatro, graduada em Comunicação e Artes do Corpo pela PUC-SP em 2004, com especialização em Teatro. Mestranda em Artes da Cena na Escola Superior de Artes Célia Helena, sob orientação da Profa. Dra. Liana Ferraz. Iniciou sua carreira profissional em 1998 no Paraná, onde se formou na Escola Municipal de Teatro de Londrina. Em São Paulo, trabalhou como atriz com diversos diretores e grupos como Brian Penido, Le Plat du Jour, Alexandre Reinecke e Luís Antônio Pilar.

Referências

BARBOSA, A. M. Tópicos utópicos. Belo Horizonte: C/arte, 1998.

BARRETO, D. Escola estadual de São Gonçalo dá espetáculo e combate evasão escolar com grupo de teatro. Extra, 30 jul. 2014.

BASILIO, A. L. Por que a pandemia pode contribuir com a evasão escolar? Carta Capital, 3 set. 2020.

BBC BRASIL. Brasil chega a 200 mil mortes por covid-19 em dia com recorde de óbitos e casos. BBC Brasil, 7 jan. 2021.

BRASIL. Lei inclui artes visuais, dança, música e teatro no currículo da educação básica. Portal de Notícias, 2016.

CHIARETTI, D. A arte de educar. Folha de S. Paulo, 26 abr. 2005.

CONSELHO NACIONAL DE JUVENTUDE. Juventudes e a pandemia do Coronavírus. Disponível em: <https://www.juventudeseapandemia.com/>. Acesso em: 10 jan. 2021.

ESTADÃO. OMS declara emergência de saúde pública global por surto de coronavírus. O Estado de S. Paulo, 30 jan. 2020.

IBGE. PNAD Educação 2019: Mais da metade das pessoas de 25 anos ou mais não completaram o ensino médio. Disponível em: <https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/28285-pnad-educacao-2019-mais-da-metade-das-pessoas-de-25-anos-ou-mais-nao-completaram-o-ensino-medio>. Acesso em: 10 jan. 2021a.

IBGE. PNAD Contínua TIC 2018: Internet chega a 79,1% dos domicílios do país. Disponível em: <https://agenciadenoticias.ibge.gov.br/agencia-sala-de-imprensa/2013-agencia-de-noticias/releases/27515-pnad-continua-tic-2018-internet-chega-a-79-1-dos-domicilios-do-pais>. Acesso em: 10 jan. 2021b.

KOUDELA, I. D. Jogos teatrais. 7. ed. São Paulo: Perspectiva, 2009.

MOREIRA, A.; PINHEIRO, L. OMS declara pandemia de coronavírus. G1, 11 mar. 2020.

MORIN, E. Os sete saberes necessários à educação do futuro. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2018.

MORRONE, B. A importância do ensino de artes nas escolas (Entrevista com Ana Mae Barbosa). Época, jun. 2016.

PERES, P. A arte pode beneficiar até a alfabetização nas escolas. Nova Escola, set. 2019.

POLANCZYK, G. O custo da pandemia sobre a saúde mental de crianças e adolescentes. Jornal da USP, 11 maio 2020.

SAINT-EXUPÉRY, A. O pequeno príncipe. São Paulo: Harper Collins, 2013.

SPERB, P. et al. Todos os estados cancelam aulas na rede pública estadual. Folha de S. Paulo, 17 mar. 2020.

STRAZZACAPA, M. A educação e a fábrica de corpos: a dança na escola. Cadernos CEDES, v. 21, n. 53, p. 69–83, 2001.

XAVIER, A. L. O teatro, o jogo e a educação escolar. Revista Piratininga, v. 2, p. 90–2, 2020.

Downloads

Publicado

03/04/2022

Como Citar

Carvalho Azevedo, L. (2022). Uma Luz para atravessar a escuridão: A arte, um refletor para a educação em tempos de pandemia. Olhares, 8(1 e 2), 52-58. Recuperado de https://olharesceliahelena.com.br/index.php/olhares/article/view/143